CASADOS SEM REGISTRO, NÃO PODE BATIZAR? PORQUE??

Deixo claro aos amados irmão que jamais aceitarei casais de jovens que vão morar juntos, brincando de casar, e depois simplesmente acaba o "amor", (tendo condições de se casarem), e partem para outra, como se fosse um término de namoro. O pecado de fornicação é real, e quem quer ter uma vida abençoada deve buscar o casamento, e não o ajuntamento. Porém existem problemas de casais que estão unidos a mais de 15 anos, com filhos, e o casamento no papel não sai, pois um dos cônjuges estão presos a papéis antigos, tempo que casaram antes de se tornarem cristãos. Daí a igreja não permite o batismo nas águas, pois não são considerados casados.

Pois bem, se a igreja acha certo que só pode ser batizado quem estiver com os papéis em dia, então algumas pessoas que saem do Brasil, e querem obter mais rapidamente dupla cidadania (a do Brasil, óbvio, e a do país onde vão morar) chegam lá e casam-se com uma pessoa arranjada na hora (também com o mesmo objetivo), e assim casam-se "direitinho". Como é o caso, por exemplo, para se obter mais rapidamente o "greencard" nos EUA.

Aí me responda: Neste caso a igreja batiza este indivíduo, não é??? Afinal, nos papéis ele está correto. Aaaaaaahhhhhh, mas no coração ele não casou de verdade, não é mesmo?! Ué, mas e o casal que tens filhos, e não puderam tirar ainda a certidão de casamento? Não casaram no coração?! Em uma situação o coração é importante, e em outra, não??

E o batismo nas águas ocorrido em presídios? O presidiário não está ainda no papel como criminoso e cumprindo pena? Porque ele pode se batizar e um casal que ainda não tirou registro não pode??? Não que eu seja contra o batismo dos presos que se convertem. Muito pelo contrário, acho um trabalho lindo! O que questiono é o direito de batismo para aqueles que ainda não se encontram casados "no papel".

"Ai dos que decretam leis injustas". (Isaías 10:1)

3 comentários:

  1. PASTOR DENIS PARABENS PELO TEMA ABORDADO,E PELA CORAGEM. TAMBÉM NÃO VEJO NENHUM PROBLEMA DE BATIZAR CASAIS NESTA SITUAÇÃO ORA DESCRITA,POIS ASSIM COMO NEM O PAPEL,E NEM A ALIANÇA GARANTE A FIDELIDADE CONJUGAL,E NEM A SALVAÇÃO DO CASAMENTO,SE ESSE FOSSE O CASO,PORQUE ENTÃO QUE MUITOS PASTORES INCLUSIVE CASADOS NO CIVIL,TRAEM OS SEUS CONJUGUES? E MUITOS CRISTÃOS QUE NÃO SÃO CASADOS NO CIVIL PORÉM,NUNCA TRAIU O SEU CONJUGUE,QUAL A DIFERÊNÇA? A DIFERENÇA ESTÁ NO VERDADEIRO TEMOR A DEUS,E ESSE TEMOR VERDADEIRAMENTE GUARDA O CASAMENTO. AGORA SERIA COERÊNTE DENTRO DA SITUAÇÃO DE CADA CASO, QUE O CASAL REGULARIZA-SE A SUA SITUAÇÃO,POR CAUSA DO TRESTEMUNHO DO SENHOR,E PARA SERVIR MELHOR NA OBRA DE DEUS POR CAUSA DO ACUSADOR.
    ENTÃO DA MESMA FORMA O BATISMO NÃO É A SALVAÇAO DO AMAZIADO,POIS UMA VEZ QUE O CASAL PROFESSAM A SUA FÉ EM JESUS CRISTO COMO SEU UNICO E SUFICIENTE SALVADOR,ELES JÁ FORAM JUSTIFICADOS,E REGENERADOS PELO SANGUE DO CORDEIRO,E A BIBLIA FALA EM EFÉSIOS 2:8,QUE O HOMEM É SALVO PELA GRAÇA,E MEDIANTE A FÉ,E ISSO É DOM DE DEUS.
    ENTÃO A SUA SITUAÇÃO CONJUGAL NÃO IMPEDIU DE DEUS CONCEDER A SALVAÇÃO A ELES,E ENTÃO, APÓS ELES TEREM SIDO SALVOS PELA FÉ, O PRÓXIMO PASSO É O BATISMO,POIS O BATISMO É UM TESTEMUNHO DE QUE ESSAS PESSOAS FORAM PRIMEIRAMENTE SALVAS,POIS O BATISMO NÃO É PARA INCRÉDULOS,MAS PARA AQUELES QUE CREÊM EM JESUS.
    DEUS ABENÇOE O SEU MINISTÉRIO PASTOR DENIS
    CONTINUE SENDO FIEL AO SENHRO JESUS,E CONTINUE BATIZANDO.

    PASTOR ELEILSON FERREIRA
    MINISTERIO APOSTOLICO E PROFETICO ESPIRITO DA GRAÇA
    http://www.espiritodagraca.com.br

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigado pastor, sou pastor, o ESPIRITO NÃO ME CONDENA MAS eu estava buscando fundamentos convicentes e os seus me ajudaram muito. Que Deus te abençoe!
    Pr. Mauro
    http://ibnvinhateiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Discordo um erro não justifica o outro e se a bíblia condena porque o homem tem que dar um jeitinho?

    ResponderExcluir